Débora era mulher de Lapidote e ama de Rebeca. Foi uma profetiza que julgava a Israel debaixo das palmeiras do monte Efraim. Os seus dons proféticos lhe deram grande influência num tempo de desespero e confusão, sendo, realmente, uma verdadeira mãe de Israel.

Débora aparece entre os mais bem-sucedidos juízes de Israel (e a única mulher a ocupar esse cargo). Ela nomeou como seu comandante a Baraque, que derrotou os filisteus, trazendo um período de quarenta anos de liberdade do domínio estrangeiro.

Contexto histórico

Depois de Josué ter conduzido Israel através do Jordão e subjugado os reis e as grandes cidades de Canaã, dividiu a terra entre eles correspondentemente às tribos e famílias. Deveriam ter destruído todos os habitantes da região, mas falharam em fazê-lo.

Isso se tornaria uma grande fonte de aflição para eles nos anos seguintes, porque, depois da morte de Josué, começaram a venerar os deuses falsos dos Cananeus. Por causa disso, Deus os colocou nas mãos dos inimigos e, quando imploraram por misericórdia, Ele levantou juízes para livrá-los. Um desses juízes era a profetiza Débora.

Veja Também!  Devocional do Dia | O Poder da Oração

Confira outras respostas bíblicas clicando aqui!

Deixe seu comentário!

Na UOL Leia+ você tem acesso à vários livros evangélicos e de outros temas, além de audiolivros e as principais revistas e jornais para você ler no seu celular, computador ou tablet, inclusive offline. Gostou? Clique e teste grátis por 7 dias!
Siga o Somos de Cristo também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"   

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here