Vamos dar sequencia a lista de Hinos da Harpa para cantar na Santa Ceia. Já estamos na terceira lista de hinos, e você poderá acessar as listas anteriores através dos links abaixo:

10 Hinos da Harpa para cantar na Santa Ceia – Parte 1
10 Hinos da Harpa para cantar na Santa Ceia – Parte 2

Caso tenha sentido falta de algum louvor, informe abaixo nos comentários que vamos atualizar a lista.

Confira 10 hinos da harpa para cantar na Santa Ceia:

1. Vem cear (Número 301)

Cristo já nos preparou
Um manjar que nos comprou,
E, agora, nos convida a cear:
Com celestial maná
Que de graça Deus te dá,
Vem, faminto, tua alma saciar.

”Vem cear”, o Mestre chama -”vem cear”.
Mesmo hoje tu te podes saciar;
Poucos pães multiplicou,
Água em vinho transformou,
Vem, faminto, a Jesus, ”Vem cear”.

Eis discípulos a voltar,
Sem os peixes apanhar,
Mas Jesus os manda outra vez partir,
Ao tornar à praia, então,
Vêem no fogo peixe e pão,
E Jesus, que os convida à ceia vir.

Quem sedento se achar,
Venha a Cristo sem tardar,
Pois o vinho sem mistura Ele dá;
E também da vida, o pão,
Que nos traz consolação;
Eis que tudo preparado já está.

Breve Cristo vai descer,
E a Noiva receber
Seu lugar ao lado do Senhor Jesus;
Quem a fome suportou.
E a sede já passou,
Lá no céu irá cear em santa luz.

2. Só o sangue de Jesus (Número 308)

Só o Sangue de Jesus tem poder pra nos lavar,
E de toda mancha nos limpar;
Todo o que lavado for nesse sangue expiador.
Não mais teme a morte nem a dor!

Só o sangue pode libertar,
E também nos lavar;
Pelo sangue vamos nós alcançar,
A morada de Jesus.

Só o sangue de Jesus, guarda-nos da corrupção.
E nos livra da vil tentação;
Esse sangue tem valor, pois é preço do amor
Com que resgatou-nos o Senhor.

Só o sangue de Jesus tem poder de preservar
O fiel que a Deus quer agradar;
Todo o ouro é sem valor pra pagar o gran favor,
Do eterno e divino amor!

Veja Também!  As 10 Músicas mais Tocadas de Soraya Moraes

3. O pão da vida (Número 328)

O pão da vida, descido dos céus,
Dá paz, saúde e vigor;
O pão celeste, mandado por Deus,
É Cristo, o Salvador;
O Redentor, vem sem tardar,
Do pecador o mal sanar!
Se algum perdido buscar Tua luz,
Depressa vem a paz lhe dar;
Não tardes mais, amoroso Jesus,
Ó vem me confortar!

Há gozo santo p’ra quem tem a luz,
Em se lembrar do seu Senhor,
E só falar do amor de Jesus,
O grande Redentor!
Teu jugo é doce, meu Senhor,
Teu fardo é leve, que amor!
Se eu não posso levar minha cruz,
Depressa vem me ajudar;
Não tardes mais, amoroso Jesus,
Ó vem me confortar!

Por duras provas e perseguições,
Tu fazes o fiel passar;
E quem vencer há de ter galardão,
Também no céu lugar,
Eu lá verei Teu esplendor,
A Tua glória. Salvador;
Se não puder carregar minha cruz,
Depressa vem me auxiliar;
Não tardes mais, amoroso Jesus,
Ó vem me confortar!

Jesus, o Teu insondável amor,
Me faz sentir no coração;
O amor de Deus, este santo amor,
E viverei, então;
A Ti, Jesus, eu dou louvor;
Tu me dás graça e vigor;
Tu és o pão que a vida produz;
Minh’alma vem alimentar;
Não tardes mais, amoroso Jesus
O vem me confortar!

4. A história da cruz (Número 350)

Tens tu lido a história da dura cruz,
Na qual Jesus morreu,
Desfazendo as trevas raiou a luz,
Manando o sangue Seu?

Jesus padeceu na cruz por ti;
Jesus padeceu na cruz!
Oh! Grande amor do salvador
Morrendo na cruz por mim!

Tens tu lido que Cristo não se queixou,
No lenho, em grande dor,
Mas ao Pai o perdão ‘inda suplicou
P’ra o povo pecador?

Tens tu lido que Cristo salvou, por fim,
Na cruz, um malfeitor?
Que sofrendo na cruz Lhe rogou:
”De mim, ó lembra-Te, Senhor”?

Tens tu lido que Cristo exclamou na cruz:
”Eis consumado está”.
Foi por mim, foi por ti, que morreu Jesus,
Aceita Cristo já.

Veja Também!  10 músicas para cantar na Santa Ceia - Parte 1

5. Fala do amor de Cristo (Número 355)

Fala do amor de Cristo
Ao triste pecador,
Amor por todos visto
Na cruz do Redentor;
Com alegria canta
A paz que vem do céu;
A tua voz levanta
Em glória a Deus.

Cristo na cruz ganhou-nos
Eterna salvação.
Com sangue Seu lavou-nos
O Rei da redenção!
No templo, o véu rasgado;
Caminho abriu Jesus
Na cruz, inaugurado
P’ro céu de luz!

Para os aflitos, canta,
As bênçãos que em Deus há;
Da cruz pendão levanta
Pois ânimo nos dá.
Canta para os perdidos
A graça de Jesus;
Seu sangue já vertido,
Que flui da cruz!

Canta com esperança,
Na escuridão também,
Canta com confiança,
Há vida no além;
Canta no alvor do dia,
E quando a noite vem;
Em Cristo, harmonia
Com Deus se obtém!

6. Espírito consolador (Número 367)

Espírito consolador,
Divino e eternal,
Preciosa fonte de amor e
Vida imortal.

Com símbolos que o Salvador
Morrendo nos deixou,
Celebraremos seu amor,
Que na cruz demonstrou.

Tu, pão da vida, Redentor!
Em nosso coração
Infunde graça, com fervor,
E celestial unção.

Acende em nós fogo
Eficaz de fé e valor;
Concede – nos perdão e paz,
Humilhação e amor.

Amém

7. Ao gólgota (Número 402)

Ao Gólgota ascende alma minha,
Contempla ali teu Senhor,
Também a agonia que tinha,
Sofrendo por ti com amor;
Não vês uma rubra torrente
Cobrindo a terra de horror?
E o sangue de Cristo inocente
Vertido por mim, pecador.

Minh’alma, te lava contente
No sangue do teu Redentor!
É Cristo a senda somente.
Que leva ao repouso de amor;
Jubila no onipotente
Por toda a Sua mercê,
Também pelo dom excelente
De Cristo em todo o que crê!

Minh’alma, ó sobe p’ra o alto!
Ali ouvirás o falar
D’Aquele a quem eu exalto;
Não sabes que vê teu penar?
Na graça divina medita,
Que tens em Jesus, teu Senhor;
Recebe a glória bendita
Orando a Deus, com fervor!

Hosanas ao onisciente!
Jesus veio aqui pra salvar
Minh’alma da “velha serpente”
Que anda no mundo a tentar;
Hosanas a Deus entoemos
Por Sua Palavra de amor;
Hosanas e glória rendemos,
A Cristo Jesus, o Senhor.

Veja Também!  Palavras de Amor - Pier49

8. Seu precioso sangue (Número 424)

Jesus me salvou com Seu precioso sangue;
Jesus me comprou com Seu precioso sangue,
Com Seu poder já me curou;
O meu pecado já cravou na cruz!
Jesus pra sempre me salvou!

9. Ele sofreu por mim (Número 465)

Eu li que Jesus fora preso;
De dor a minh’alma vibrou;
Eu antes assim não sentia,
Agora isto a mim empolgou,
Eu li que Ele foi conduzido
À corte de Jerusalém;
Ali padeceu grande afronta.
Foi c’roado de espinhos também.

Eu sei que eu era culpado,
Mas Ele sofreu já por mim;
Eu sei que Ele era inocente,
Padecendo tudo assim.

Eu li que Jesus foi julgado;
U’a cruz mui pesada levou,
E nela, por mim expirando,
Os meus vis pecados tomou;
Enquanto na cruz, pendurado,
U’a lança Seu lado furou;
Na esponja Lhe deram vinagre,
E Ele, por mim, o tragou

Depois José de Arimatéia
E outros discípulos também
Puseram-No, em um sepulcro,
E os guardas vigiavam bem:
Enquanto no mundo, Ele disse,
Que havia de ressuscitar,
E Deus fez então um milagre.
Fazendo-O dos mortos tornar!

Os guardas ainda vigiavam,
Quando um anjo veio do céu,
E a pedra que estava na porta,
Com grande poder removeu;
Depressa os laços caíram;
O plano de Deus era assim;
E a luz e a vida resplendem,
E isto foi tudo por mim!

10. Em meu lugar (Número 472)

Cristo Jesus lá na cruz já sofre
Em meu lugar, em meu lugar;
Tudo por mim Ele ali padeceu,
Para a minh’alma salvar.

Glória a Jesus, meu pecado cravou
Sobre a cruz, sobre a cruz;
Sangue precioso minh’alma lavou;
Glória ao bondoso Jesus.

10 Hinos da Harpa para cantar na Santa Ceia – Parte 1
10 Hinos da Harpa para cantar na Santa Ceia – Parte 2

Gostou dos hinos da lista? Deixe seu comentário!

 
Siga o Somos de Cristo também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"   

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here